Freguesia da Serra de Água

A 28 de Dezembro de 1676 foi criada a freguesia da Serra de Água que pertenceu ao concelho da Ponta do Sol até 1914, ano que passou a pertencer ao concelho da Ribeira Brava. Situada no centro da parte sudoeste da Ilha, a Serra de Água está rodeada de um denso arvoredo e de altos montes, entre os quais sobressaem os picos da Cruz, do Cedro e do Pico Grande. É irrigada por numerosas ribeiras, como a da Fajã das Éguas, do Poço e a da Serra de Água, que juntas forma a ribeira da Ribeira Brava.

O seu nome deriva da construção de um engenho destinado à serração das madeiras com o nome de “serra de água”, nome esse que posteriormente se estendeu a toda a freguesia. As madeiras foram uma das primeiras fontes de riqueza exploradas no Arquipélago da Madeira. Devido à abundância de vegetação na Serra de Água e com a ajuda dos engenhos que serravam a madeira com a força da água, o comércio e a exportação de madeira geraram grandes lucros.

Serra de Água é uma freguesia portuguesa do concelho da Ribeira Brava, com 24,70 km² de área e 1 317 habitantes (2001). Densidade: 53,3 hab/km². Localiza-se a uma latitude 32.71667 (32°43') Norte e a uma longitude 17.033 (17°2') Oeste, estando a uma altitude de 640 metros. Serra de Água tem uma estrada que liga norte de Calheta e Funchal. A actividade principal é a agricultura.

O Serra de Água tem uma escola,  uma pavilhão desportivo, uma igreja e um praça.

"O topónimo Serra de Água deriva dos rudimentares engenhos mecânicos de água nas margens das ribeiras. Serra de Água pertenceu ao Concelho de Ponta de Sol até 1914. Fica a 8 km da actual sede do concelho e venera a Srª da Ajuda desde que o primitivo núcleo se formou ao redor da velha capela. 

A freguesia foi estabelecida defenitivamente em 1680, muito embora tivesse sido criada por alvará de finais de 1676. Novo tempo (e mais espaçoso) surgiu cerca de 1700, com a invocação da antiga capela. 

Cercada por altas montanhas, a localidade fica num vale e é irrigada por diversas ribeiras sem as quais não haveria condições para a agro-pecuária. Serrações de madeiras foram indústrias ques e fixaram primeiro, devido à materia-prima fornecida por grandes manchas florestais. Subindo o vale da Ribeira Brava e não a perdendo de vista, capta-se paisagem singular e a multidão perfilada de choupos que guarnecem e acompanham as margens." 

"Para efeitos administrativos, foi anexada a Ribeira Brava em 18 de Outubro de 1881. Mais tarde, passou a pertencer ao concelho de Ponta do Sol desde a criação deste, em 1835, passando definitivamente a fazer parte do concelho de Ribeira Brava em 1914, data da sua criação."

"A agricultura é a actividade económica predominante da freguesia, seguindo uma tradição que, como se disse antes, vem e tempos longíquos, mais concretamente do início do povoamento da ilha. Cerca de 60% da população activa trabalha ainda no cultivo das terras, 80% dos quais são de pequena dimensão e viradas para o autoconsumo. No que diz respeito ao sector secundário, a Hotelaria ocupa o lugar de actividade principal geradora de empregos. A construção cívil, a par com as restantes freguesias, ocupa também um lugar considerável nos postos de trabalho."

Foi em 1953, que nesta freguesia, surgiu a primeira Central Hidroelétrica da ilha. 
Entre os principais pontos de interesse, além das bonitas vistas que se podem apreciar tanto de baixo como da Estrada Regional 101 que sobe as montanhas a caminho da Encumeada, conta-se a capela de Nossa Senhora da Ajuda.

www.freguesiaserradeagua.pt/

    Galeria



















Feira

Bandas

Orquestra de Sopros

Serviços Online

Recrutamento

atendimento ao munícipe

 

Aceda aqui à sua área on-line de munícipe da Câmara Municipal da Ribeira Brava. Solicite Requirimentos, Atestados, Pagamento de Serviços, entre outros..